segunda-feira, 22 de maio de 2017

Epitáfio.


Aécio Neves acabou!

Aécio Neves acabou e pode sim ser preso. PSDB rifará restos do 'tucano'- Comentário de Joice Hasselmann.

video

Delação da JBS e imagens do flagrante do primo do AÉCIO recebendo uma mala de dinheiro enterram a vida política do tucano. 
AÉCIO acabou. Ao PSDB resta terminar de enterrar aquele que já foi o grande nome do partido para reduzir as perdas. 

sábado, 20 de maio de 2017

O povo pelas Forças Armadas, mas elas parecem dormir em berço esplêndido.


Se as FFAA não fizerem, o povo irá fazer.

Acredito que chegou a hora das Forças Armadas começar a se mexer. O país está entregue ao crime organizado. Essa semana, pego na efervescência da corrupção, o Presidente da Republica Federativa do Brasil, mostrando confiar em um dos seus amigos corruptos, se deixou gravar dentro da residência oficial e, pelo visto, não existe salvação para ele.

O Corrupto, empresário da JB&S, gravou, delatou e, autorizado pela Policia Fedra e o PGR, se mandou para o Estados Unidos a fim de curtir e gastar ao longe, o dinheiro surrupiado do povo brasileiro. Michel Temer caiu como um patinho, recebeu um bandido travestido de empresário em casa, tarde da noite e, simplesmente, se entregou e, com certeza , vai perder o cargo.

De acordo com a Lei, se Temer for afastado, deverá ser processada uma eleição indireta no Congresso Nacional e sabe quem irá votar e/ou ser votado? Um bando de corruptos que os delatores denunciaram e, até a presente data, o STF não puniu ninguém. Se fizerem eleição direta, vão eleger Lula. Ai a merda vai escorrer

Diuturnamente, o povo implora para que as FFAA procedam a uma intervenção e ponham a ordem no país, no entanto, o que se observa é que pelo seu sucateamentos e despreparo, parece que os comandantes militares, salvo melhor juízo parece que estão querendo continuar deitados em berço esplêndido, esperando ver quem ganha para, humildemente, prestar continência, como prestaram aos comunistas e aos corruptos dos governos do PT. 

E, assim como os nordestinos, que passam meses olhando para o céu pedindo chuva, vamos também, olhar para o céu e pedi para que Deus nos ajude. E se essa ajuda não vier dos céus, precisamos tomar uma atitude antes que essa zorra vire outra Venezuela, com Lula, novamente, no poder.(Blogalfocunha)


terça-feira, 16 de maio de 2017

Moro nega pedido do MPF e da defesa de Lula para ouvir mais testemunhas na ação do triplex .


Moro negou o pedido do MPF e da defesa de Lula para ouvir mais testemunhas no processo do triplex.
(Foto: Leonardo Benassatto/Estadão Conteúdo) 

O juiz Sérgio Moro, responsável pelos processos da Lava Jato na primeira instância, negou o pedido do Ministério Público Federal (MPF) e da defesa do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva para ouvir mais testemunhas na ação penal do triplex do Guarujá, no âmbito da Operação Lava Jato, antes da fase de alegações finais.

A decisão foi publicada no sistema eletrônico da Justiça Federal por volta das 5h30 da segunda-feira (15).

Por meio de nota, a defesa de Lula afirmou que o despacho de Moro tem "erros factuais" e que tomará "as medidas necessárias para afastar as ilegalidades presentes nessa decisão." *Leia mais abaixo a nota na íntegra. Ao G1, o MPF informou que, se houver manifestação, será nos autos do processo.

Sobre o pedido da defesa, Moro argumentou que faltou identificação completa como nome e endereço das testemunhas. "Indefiro, portanto, o requerido por deficiência no requerimento e desnecessidade da prova”.

Moro afirmou sobre a solicitação do MPF que: “Enfim, este Juízo já ouviu muitos depoimentos sobre o apartamento triplex e sobre a reforma dele, não sendo necessários novos a esse respeito”.

O processo investiga se Lula, acusado de corrupção passiva e lavagem de dinheiro, recebeu R$ 3,7 milhões em propina, de forma dissimulada, da empreiteira OAS. Em troca, a empresa seria beneficiada em contratos com a Petrobras. Veja detalhes da ação penal. Lula foi interrogado por Moro na quarta-feira (10).

Na mesma decisão, Sérgio Moro marcou os prazos para as alegações finais. A acusação terá até o dia 2 de junho, e a Petrobras tem até o dia 6 de junho para se manifestar. Já as defesas poderão apresentar as conclusões até o dia 20 de junho.

Os advogados de Lula também haviam pedido para o MPF esclarecer “o status das negociações de acordos de colaboração com José Adelmário Pinheiro Filho [Léo Pinheiro] e Agenor Franklin Magalhães Medeiros e os benefícios oferecidos”, conforme consta no despacho do juiz federal.
Moro consentiu a este pedido da defesa do ex-presidente: “Defiro apenas o requerido para que o MPF, nas alegações finais, informe, caso eventual acordo tenha sido celebrado e não esteja sob sigilo decretado por jurisdição de hierarquia superior, o seu teor”.

Léo Pinheiro e Agenor Franklin Magalhães Medeiros eram ligados à OAS – ex-presidente e ex-executivo, respectivamente. Os dois já foram condenados pela Operação Lava Jato. 
Veja a nota enviada pela defesa de Lula 

"A inocência do ex-Presidente Lula foi comprovada pelo depoimento das 73 testemunhas ouvidas, no caso do tríplex, sob o compromisso de dizer a verdade. Ao arrolar novas testemunhas, o Ministério Público Federal reconheceu que não dispõe de prova da acusação formulada contra Lula. 

A defesa demonstrou que, além de o tríplex não pertencer a Lula, sua proprietária, a OAS, deu o imóvel em garantia em diversas operações financeiras, conforme referências feitas pelas testemunhas ao longo das audiências. 

A decisão de hoje contém erros factuais, pois todos os endereços das testemunhas complementares — inclusive para esclarecer essas operações financeiras envolvendo o tríplex — estão em um rol que pode ser encontrado nas duas últimas folhas da petição protocolada em 11.05. 

A decisão também gera nulidade insanável no processo ao indeferir a realização de prova pericial 'para apurar de quem seria o imóvel 164-A, do Condomínio Solaris e ainda se o imóvel foi dado em garantia em operação financeira pela OAS Empreendimentos'. Se o Ministério Público Federal imputa — ainda que sem qualquer razão — crime que deixa vestígio material, a realização da prova pericial é obrigatória (CPP, art. 158). 

Serão tomadas todas as medidas necessárias para afastar as ilegalidades presentes nessa decisão. 

Cristiano Zanin Martins" 
Outra ação penal 

Na Justiça Federal do Paraná, Lula é réu em outra ação penal. O ex-presidente é acusado pelo MPF de receber como propina um terreno onde seria construída a nova sede do Instituto Lula e um imóvel vizinho ao apartamento do petista, em São Bernardo do Campo (SP). 

De acordo com a força-tarefa da Lava Jato, esses imóveis foram comprados pela Odebrecht em troca de contratos adquiridos pela empresa na Petrobras. 

Os advogados de Lula arrolaram 87 testemunhas de defesa para este processo, e o Tribunal Regional Federal da 4ª Região (TRF4), em Porto Alegre (RD),dispensou o ex-presidente de comparecer aos 87 depoimentos

As audiências com testemunhas de acusação, desta ação penal, começaram em 8 de maio
                    *Por Adriana Justi e Thais Kaniak, Portal G1 PR, Curitiba

quinta-feira, 11 de maio de 2017

Judiciário está tão estranho, que Marco Aurélio dá lição de moral em Gilmar Mendes.

O ministro Marco Aurélio Mello, do Supremo Tribunal Federal (STF), muitas vezes criticado por tomar decisões nem sempre muito logicas, agiu de modo totalmente inverso ao de seu colega de tribunal Gilmar Mendes. É que ele se declarou impedido para julgar qualquer processo em que atua o escritório do advogado Sérgio Bermudes, porque a sobrinha dele, Paula Mello, atua no escritório. O tema veio à tona na última segunda-feira, quando o procurador-geral da República, Rodrigo Janot, entrou com ação pedindo para o STF declarar Gilmar Mendes impedido para atuar no habeas corpus de Eike Batista. O empresário é defendido por Bermudes e a mulher do ministro, Guiomar Mendes, atua no escritório. No ofício que Marco Aurélio entregou à presidente do STF, ministra Cármen Lúcia, o ministro afirmou:“Para efeito de distribuição e tomada de voto, informo estar impedido de atuar em processos – subjetivos e objetivos – patrocinados pelo escritório Sérgio Bermudes Advogados e naqueles que, embora atue advogado que não o integre, envolvam cliente do referido escritório de advocacia, nas áreas civil e criminal”;

Marco Aurélio também informou que está impedido de julgar processos em que tenham atuado previamente a mulher dele, a desembargadora Sandra De Santis Mendes de Farias Mello, do Tribunal de Justiça do Distrito Federal (TJ-DF); a filha dele Letícia De Santis Mendes de Farias Mello, do Tribunal Regional Federal (TRF) da 2ª Região; e a filha Cristiana De Santis Mendes de Farias Mello, que é procuradora do Distrito Federal e advogada. Também pelo Código de Processo Civil (CPC), um juiz não pode atuar quando outro integrante da família já tiver julgado o caso. O Código de Processo Civil proíbe um juiz de atuar em um processo quando o advogado da causa for cônjuge ou parente até terceiro grau. A regra também proíbe o juiz de atuar quando, no processo, uma das partes é defendida pelo escritório de advocacia onde trabalha o cônjuge ou parente até terceiro grau. Marco Aurélio concluiu afirmando:“Eu fui o juiz que mais se deu por impedido. Por quê? Porque eu tenho uma mulher atuando aqui no TJ. Então em todos os processos dela eu me declaro impedido. Não que eu tenha suscetibilidades extras”. O ministro considerou constrangedor o desentendimento entre Gilmar Mendes e Janot. “É algo indesejável. Estou há 38 anos no Judiciário e nunca enfrentei uma exceção de suspeição, de impedimento de colega. É constrangedor e ruim para o Judiciário como um todo”.


sábado, 6 de maio de 2017

Tropas brasileiras e amercanas fazem manobras na fronteira da Venezuela.

TROPAS americanas e brasileiras em MANOBRAS nas proximidades da FRONTEIRA com a VENEZUELA podem preocupar Nicolás MADURO.

É de conhecimento geral que manobras militares nas proximidades de países em conflito sempre são usadas como advertência, uma espécie de “estamos de olho em você”, “podemos alcançá-lo” e, invariavelmente, como um teste de projeção de poder até áreas que podem ter a necessidade de ser alcançadas em uma operação real e de grande porte em futuro próximo. Justamente o que ocorre essa semana nas próximidades da Coréia do Norte.
A região onde se dará o exercício conjunto entre brasileiros, norte-americanos, colombianos e peruanos dista 600 km aproximadamente da Venezuela e cerca de 1.600 km de Caracas. Mas, a grande concentração de tropas e principalmente a movimentação de militares norte-americanos deve com certeza acender uma luz vermelha nas tropas leais a Nicolás Maduro.
Ainda que BRASIL e VENEZUELA vivam um momento de instabilidade nas relações diplomáticas, uma abordagem militar à Venezuela não é obviamente cogitada no exercício conjunto em planejamento. Caso o fosse o grande efetivo militar provavelmente se concentraria na Colômbia, país que oferece melhor e mais rápido acesso por terra (600 km) à CARACAS, capital da VENEZUELA e sede do governo de Nicolás Maduro.
É verdade que a região atualmente é observada com atenção e que tanto Colômbia como a GUIANA – que não participa do exercício – já foram víitimas de insinuações e ameaças por parte de Nicolás Maduro. Justamente por isso atualmente a região é considerada como potencial causadora de instabilidade na América do Sul. Contudo, o BRASIL e países fronteiriços têm como tradição exercícios com foco em defesa territorial e não na projeção de forças.
Intervenção militar na VENEZUELA.

A magnitude e complexidade da mobilização militar na hipótese de intervenção externa na VENEZUELA vai bem além do que vai aqui ser tratado. Por questões obvias algumas abordagens sequer podem ser cogitadas e, ressalte-se, não há qualquer intenção por parte do Brasil e aparentemente, EUA, em discutir abertamente isso nesse momento.
Os EUA tem tropas estacionadas em tempo integral em PORTO RICO, que fica a 800 km de CARACAS.
Nicolás Maduro, como foi informado pela Revista Sociedade Militar, em 2016 declarou que a VENEZUELA está preparada para uma invasão norte-americana. Talvez isso na verdade fosse uma espécie de provocação, e até mesmo viesse a calhar para o referido presidente. A esquerda sul-americana sabe como ninguém se fazer de vítima e posar de herói da democracia.
Logística e operação em exercícios militares
A logística que precede e acompanha uma grande movimentação na região amazônica não é algo simples. As Forças Armadas brasileiras detém a técnica e a familiaridade necessária à movimentação de uma força militar na região.
Quem, como eu, serviu na Amazonia, sabe que a logística realizada em tempo de paz é encarada como se fosse realizada numa situação real de combate, em menor dimensão é claro. Contudo, quase sempre é em um exercício militar de grande porte que se tem a oportunidade de identificar os principais óbices para a realização de grandes movimentações e apoio a efetivos em operação nas áreas remotas.
Portanto, o convite feito pelo MINISTÉRIO da DEFESA para que norte-americanos participem de uma operação conjunta no NORTE da AMAZÔNIA brasileira é sim um movimento muito importante e com grandes significados para aquisição de conhecimento e estreitamento de laços entre os militares participantes.
As conversações já se iniciaram há algum tempo e apenas o convite formal foi agora publicado em alguns grandes portais de notícias. Segundo o Exército brasileiro, a Operação América Unida será realizada em novembro, por 10 dias e contará com um comando multinacional formado por militares do Brasil, EUA, Perú e Colômbia.

http://www.sociedademilitar.com.br/wp/2017/05/tropas-americanas-e-brasileiras-em-manobras-nas-proximidades-da-fronteira-com-venezuela-podem-preocupar-maduro.html


Lula vai se mudar para Curitiba.

Lula disse no SBT:
"Se for necessário, eu me mudo para Curitiba".
Sim, Lula, será necessário.
Você vai passar uns vinte ou trinta anos ali.

sexta-feira, 5 de maio de 2017

Reitoria da UFRGS recebe Dilma com honras de chefe guerreira no seu Salão de Atos.

Foi assim que o jornal Zero Hora registrou os atos da aula inaugural solene que a reitoria da Ufrgs patrocinou anteontem a tardinha no respeitado Salão de Atos:
Em um Salão de Atos da UFRGS praticamente lotado, a ex-presidente Dilma Rousseff (PT) participou como convidada especial da aula inaugural do Instituto de Filosofia e Ciências Humanas (IFCH) da universidade, na tarde desta terça-feira. Recebida aos gritos de "Dilma guerreira, mulher brasileira".
Ninguém gritou "Fora Dilma".
Dilma Roussef estava visivelmente animada, depois que soube que o STF mandou soltar seu antigo "companheiro de armas", José Dirceu, o que indica que ela não tem mais o que temer no âmbito da Lava Jato.
http://polibiobraga.blogspot.com.br/2017/05/reitoria-da-ufrgs-recebe-dilma-com.html