terça-feira, 28 de dezembro de 2010

Zé Dirceu, o "cumpanhêro" sempre presente

Dirceu, o quadrilheiro que nunca saiu do Planalto
Foto: Ricardo Stuckert/PR
Lula fez uma reunião de despedida, no Palácio da Alvorada, com todos os ministros e ex-ministros, dos seus oito anos de governo, inclusive aqueles que saíram açoitados por corrupção. Cinicamente todos compareceram, mas a estrela do show foi José Dirceu, citado duas vezes pelo presidente, merecedor de aplausos e aclamação, como se fora um pop star criminoso numa reunião de mafiosos. Parece-nos estranho, suspeito e assustador que Lula e Dilma façam questão de demonstrar publicamente tanta intimidade com José Dirceu.
O Globo registrou que “depois da solenidade, Dirceu foi um dos poucos que subiram para o terceiro andar com Lula e a presidente eleita, Dilma Rousseff. Perguntado sobre como se sentia ao estar voltando ao Planalto, deu uma grande gargalhada e respondeu:

Um comentário:

  1. Botafoguense e de direita! É isso aí! Muito bom o seu blg..

    ResponderExcluir